COMUNICADO.

 

Em função da significativa melhora nos números relativos à contaminação pelo Coronavírus, estamos extinguindo a necessidade de agendamentos. 

Nossas giras são as segundas e quintas feiras, com início sempre as 20:00 horas. Sejam todos bem vindos. 

 

Nosso endereço: Rua Maestro Romualdo Suriani, 67-B (antigo nº 49). Jardim das Américas, Curitiba-PR.

 

Recomendamos a utilização de máscaras durante sua permanência no terreiro.

 

Axé!
 

TERREIRO DE UMBANDA PAI ARRUDA DA GUINÉ - TUPAG

 

Natal 2020

Dentro da Cristandade observam-se algumas Festas importantes que ilustram a trajetória material do Espírito mais evoluido que pisou o solo terreno: JESUS.

 

A Páscoa reporta à morte e à ressurreição de Jesus; a sua data é móvel basada no calendário lunar.

 

Pentecostes é a festa que comemora o “dom da palavra”, ou seja, quando os Apóstolos de Jesus reuniram-se num cenáculo e foram tocados pelo poder do Espírito Santo para, com o poder da palavra, poderem transmitir de forma escrita e verbal os ensinamentos de Jesus; isso ocorreu cinquenta dias após a morte de Jesus, por isso o nome Pentecostes, cujo significado é “quinquagésimo” em grego.

A Epifania ilustra quando Jesus foi apresentado aos Reis Magos; é sempre comemorada no dia 06 de janeiro e ilustra a primeira manifestação de Jesus aos Gentios.

 

O Natal, ou Natividade, é a data na qual foi instituído o nascimento de Jesus, Espírito que encarnou para nos apresentar, através das suas palavras e gestos, a grandiosidade e a pureza do amor de Deus para com as suas Criaturas. Essa festa é fixa e é comemorada no dia 25 de dezembro.

 

E assim, como nos anos anteriores, chegamos a mais um Natal.

 

Este ano de 2020 foi um ano muito particular; além da crise na saúde mundial causada pela dissiminação de um vírus até então desconhecido e altamente letal, tivemos de lidar com novas situações que se nos apresentaram de maneira sigular: os abraços e os beijos, bem como as demais manifestações de carinho e afeto tiveram de ser restringidas de um instante para o outro, tudo isso para preservarmos a nossa saúde e também a de quem amamos.

 

O uso de máscaras faciais passou a ser obrigatório e os nossos sorrisos foram raptados por um pedaço de tecido; tivemos de aprender a nos reconhecer através dos olhares. Nunca antes a expressão “os olhos são o espelho da alma” foi tão verdadeira...

É... quantas novas situações... quantos novos desafios...  algumas derrotas... algumas vitórias!

 

Algumas perdas aconteceram durante esse período: amigos e parentes partiram deste mundo deixando-nos um vazio em nossos corações. Algumas pessoas perderam os seus empregos, outras passaram por dificuldades.

 

Algumas noites foram envoltas em pensamentos e incertezas, assim como alguns momentos foram de reflexão pessoal e de crescimento. Crescimento sim! Quem de nós consegue dizer hoje que está igual ao início do ano? Quem de nós pode dizer que age da mesma maneira que antes? Isso é impossível! Depois de passar todos esses meses acompanhando a situação mundial, certamente fizemos um processo de transformação individual impulsionando o coletivo! Certamente todos sofremos uma transformação que nos ensinou coisas muito especiais. Dentre elas posso citar, acredito, as mais importantes que estiveram conosco: a fraternidade, a empatia, a comoção, o amor e principalmente a fé. Todos esses sentimentos nos estimularam a pensar mais nas coisas de valor verdadeiro. Passamos a valorizar mais as coisas atemporais em detrimento das temporais. Passamos a tomar atitudes pensadas e repensadas ao invés de agir por impulso. Passamos a fazer as nossas orações não mais através de uma fala decorada, mas sim por meio de uma conversa sincera e espontânea direcionada a Deus. Tudo se transformou...

 

Assim, espero que este Natal traga consigo o real e verdadeiro sentido da grande Festa da Natividade: o amor incondicional! Jesus reencarnou em nosso meio para trazer-nos uma linda e especial mensagem de amor e é essa mensagem que deve entrar em nossos corações e pulsar em nossas almas, retomando o seu lugar diante dos presentes materiais que seriam trocados na noite de Natal. Nesta noite de 24 para 25 de dezembro de 2020 teremos a certeza de que os verdadeiros presentes realmente estão fazendo parte da Festa, pois a alegria em poder cumprimentar quem se ama, mesmo que de forma virtual, será muito grande. Aqueles que perderam algum dos seus entes queridos, através da oração e do silêncio, conseguirão conectar-se por meio do pensamento e do amor e assim os cumprimentos, os beijos e os abraços também acontecerão à distância, estimulando as lembranças dos Natais passados, aqueles Natais todo especiais nos quais os nossos amores ainda estavam fisicamente conosco.

 

Essa situação toda nos ensinou que mesmo distantes fisicamente, podemos continuar nos amando e nos desejando o bem. Os encarnados o fazem através dos meios telemáticos, enquanto os desencarnados podem ser acessados através do pensamento, da prece e do amor.

 

Vamos agradecer a Deus por essa linda possibilidade evolutiva que nos foi dada! Vamos agradecer a Ele todos os anseios, as incertezas, os medos e as inseguranças pelos quais passamos durante esses longos meses. Vamos agradecer a Deus pelo ano de 2020 que nos estimulou à evolução, pois o Espírito quando vem à Terra através do processo reencarnatório, busca apenas evoluir um pouquinho mais e neste ano em especial, acredito que atingimos a nossa meta.

 

Desejo a você e aos seus familiares um Natal Abençoado e Feliz, talvez com um conceito um pouco diferente daquele que estávamos habituados, mas que seja sempre um Natal Feliz! Vamos lembrar que o Aniversariante desse dia nasceu, cresceu e morreu pobre no âmbito material, mas trouxe consigo e nos deixou como legado o maior dos tesouros: o verdaeiro significado do amor!

 

Boas Festas!

 

Pai Marlus de Ogum

Teólogo Espírita